Aprendendo a crescer

Padrão

peter pan

Oi?

Te dei atenção uma vez e desde então você grudou igual a carrapato.

Mas um carrapato do bem.

Me confidenciou segredos, muito antes de saber que eles habitavam o seu ser.

E para mim, aquilo era tão simples, e te entendi com toda o meu respeito e sensibilidade… e acredito que era exatamente isso o que você estava buscando… compreensão, respeito e nenhum julgamento…

Te respeitei e aceitei, e isso foi a cola da nossa amizade.

O tempo passou, e as incertezas acabaram virando realidade e certezas.

E a vida te ensinou…

A crescer…

A ser feliz…

A amar…

A trair…

A perder…

A cair…

A se reinventar…

A se descobrir…

A fazer coisas que até Deus duvida…

A pedir perdão…

A perdoar…

E entre idas e vindas…
Entre momentos de silêncio e ausência…
Nunca houve espaço para o esquecimento

E esta parceria, já se deu de maneiras normais, platônicas, desvirtuadas e até mesmo conflituosas

Mas que sempre foi sustentada pelo tempo…

Nosso melhor amigo e confidente.

E agora é a sua vez, de se reinventar, se permitir…
De começar novamente…
Amar; crescer; aprender; reviver; matar ou morrer…
Mas ser essa pessoa que só você sabe ser…

E hoje, a vida é celebrada…
Novos começos, parcerias e alegrias se fazem presentes
Para coroar a sua existência que sempre foi feita para alegrar aos outros
E agora é sua vez…

Aproveitei tudo…
Ame muito!
Não olhe para trás…

A vida começa agora!

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s