Minha sorte

Padrão

corações na mao

Você pediu para ver as linhas da minha mão
E sorriu um sorriso malicioso e astuto
Ficou alguns minutos movimentando seus dedos entre minhas mãos
Como se estivesse tentando traduzir algum código secreto
Alguma escritura antiga que só você consegue decifrar

E me olha atento
Com um olhar sério e maduro

Me faz pensar nos meus mais íntimos segredos
Nas coisas que eu já fiz por ai
Coisas boas e coisas tortas
Nos meus caminhos paralelos
E nos meus tropeços

Será que agora você sabe que o meu coração
Meus sentimentos e pensamentos
São todos seus?

Fico olhando atentamente para as suas mãos
Para ver se nelas eu também sou capaz de encontrar algum segredo seu
Algo que possa ter subterfúgios para driblar esse sentimento
Sentimento esse de intromissão, quebra de códigos e segredos

E suspiro alto
Bem fundo

E você continua me olhando
Na minha cabeça parece que já se passou uma eternidade
Mas olhando no relógio, apenas um minuto
Minuto devastador eterno

Você sorri e me diz: “Você terá uma vida linda e feliz!”

Eu sorrio aliviada e penso…

Será que você se encontrou nos rabiscos desenhados na palma da minha mão?

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s