Rosa dos Ventos

Padrão

rosa-dos-ventos

Norte ou Sul
Leste ou Oeste

Da vida que está pedindo novas direções
Mas no final das contas
As direções quem dita?

A vida ou eu?

Porque o tempo está arrastando
A vida que eu sei lá o que é
E de quem é

Porque o sonho acabou
Do sonho que um dia talvez tenha sido
Mas na realidade
Se tornou duro demais para ser

E a vida está assim
Vazia e ultrapassada
E engolida pelo tempo, pelo peso
E pelos cabelos brancos

Do olhar para trás
E saber que falhei

Que deixei o buraco crescer
E ele ficou negro e engoliu tudo
Cumprindo com a sua finalidade
Existencial

E eu aqui
Pensando que logo logo tudo acaba

E quando me chamarem para o acerto de contas

Vou sair devendo mais uma vez…

Mas para quem desta vez?

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s