Amor solitário

Padrão

amor-solitario

Não sei mais sentir saudades
E hoje acordei com o seu olhar
Dentro de meus sonhos
E você chorava a partida
De um amigo querido

Do que se trata tudo isso?

Porque daqui em diante
Você é apenas saudades
De algo que nunca foi
E nunca poderá ser

Simplesmente porque
Na minha loucura, carência e sei lá mais o que
Você nunca foi

Nada além da minha própria imaginação
Me enganando
Engolindo
Sufocando
E brincando
Com tudo o que eu acredita ser
A verdade da minha vida
A razão da minha existência

E agora
Agora e sempre
No passado
E no presente
E daqui em diante
Nunca haverá
Houve ou pôde ser

Porque nunca estivemos
No mesmo lugar
Nesta vida ou em qualquer outra
Nos mesmos lugares ou em outros quais queres
Nos pensamentos e desejos
Ao mesmo tempo agora

E sempre eu fiquei aqui
Alimentando em meus pensamentos
A sua presença
O seu perfume
E tudo o que poderia
Haver de ser

O exercício da esquizofrenia
Perfeito…

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s