Time is over

Padrão

perdeu-a-vez

Olhei para o lado e lá estava você
Mas de onde será que você surgiu?

Quanto tempo já estava aí me observando?

E como um perfume marcante
Sua presença avança
E vai além do que eu gostaria de ter

Não que eu não sinta a sua falta
Não é nada disso
Mas no final das contas

Para que serve isso tudo afinal?

O que você quer de mim
Uma vez que você já levou tudo
E me deixou aqui

Há muito mais do que o tempo
E muito mais do que minha memória
Pode acessar e se recordar

E agora se trata apenas
Desse estranhamento de saber
Que um dia você esteve por demais próximo

E teve livre acesso ao meu universo particular

E essa reaproximação
Se trata apenas do seu vazio

De buscar abrigo onde um dia foi seguro

Mas te aviso

Nem tente vir buscar
O que um dia eu lhe ofereci de graça

Pois o jogo virou
Eu cresci
E troquei a senha

Agora
Não existe mais encaixe
Entendimento ou querer

Simplesmente
Porque assim como você

Eu estou interessada em outros caminhos

E agora

Eu não sei voltar para o que um dia houve de ser com você.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s