Ao abismo

Padrão

coração lançado

Você precisa de alguém para culpar
Para que a dor do fim não invada o seu ser
E te devaste de uma maneira que será insuportável
Aos seus olhos e aos olhos dos outros

Porque sabes que cedeu
E a tentação não valia
A altura da queda
A dor depois do tombo

E agora serão dois corações partidos
Porque você se perdeu
E não quis pedir ajuda

E nunca quis mostrar que havia um lado que precisava
de carinho, atenção e conforto

E eu te dei tudo o que você queria
Sempre estive ao seu lado
Mas nunca foi o suficiente

Porque você errou
Você traiu
Você errou

E me devastou
Como se uma estaca houvesse de ser enfiada
E agora tudo o que resta é dor
E sangue
E tristeza de viver uma vida só

De um amor que um dia foi
E que agora há de ser
Nada

E as lágrimas não vão limpar
O coração não vai parar de sangrar

E talvez algum dia possa contar-se a história
De um amor que um dia houve de ser
E foi lançado ao abismo

Pelo simples capricho de um ser.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s