“Falei que ia escrever”

Padrão

amizade-forever

De um jeito despretensioso chegou
Porque a vida tem dessas
E me deu você de presente

Demorei um tempo para desembrulhar
Porque tem alguns presentes
Que são tão grandiosos e maravilhosos
Que pensamos duas vezes
Se não se trata
De uma entrega indevida do Universo

E quem disse que o Universo se engana?

E tudo começou com atenção e respeito
Carinho e muita empatia

Me colocando em um lugar que eu nem sabia
Que poderia ser meu lá
E na vida

De todas as palavras e gestos
De todas as barras e puxões de orelha
De todas as risadas e credibilidades
Da reciprocidade

E acima de tudo
De tudo o que você me ofereceu
Sem ao menos se dar conta

Porque isso sempre esteve intrínseco
Da sua pessoa (presença)neste mundo

E se eu pudesse escolher
E tivesse uma nova chance
Eu queria viver tudo isso novamente

Da sua presença diária
Do seu sorriso sincero
Das suas palavras certeiras
Do seu nervosismo que era engraçado de se ver
Mas amedrontador de participar

E eu só olhava de rabo de olho…

E quando você dividiu sua história
Me contou seus segredos
Desabafou seus desalentos
E no tempo…
Tudo foi se encaixando
E os sonhos e presentes
Que o Universo sabe a hora de fazer e entregar
Aconteceram

E mesmo assim
Com o tempo
A distância
Os desencontros
E um pouco de teimosia (minha… sua?)

Nos reencontramos
E nos reconquistamos
E nos reinventamos
E acima de tudo

Nos respeitamos
Nas nossas diferenças
Por conta de escolhas que fizemos

Mas apesar de tudo
Aquele encontro
Que nos foi oferecido lá atrás
E não havia nada para ser mais um
Do que já era mais do mesmo

Se tornou único
E hoje
Eu te agradeço
A parceria
A confiança
O respeito
Suas palavras
Seu olhar
E todo cuidado

Que me faz refletir que eu não
Nunca e jamais
Deveria
Estar na página 2
Ser o Plano B
Ou deixar uma qualquer dizer o que nunca deveria ser

E te desejo
Que o encontro do sol, das águas da cachoeira
Do riacho e do que mais faz parte deste cenário

Lhe acompanhem
E que com você
E todos os escolhidos e queridos
Possam “Saltitar”

Nas cores
Possibilidades
Caminhos
Risos
E na vida que é boa!
Leve e linda!
Ainda há de lhe oferecer
Como presente por tudo o que você é
Na vida de pessoas
Que cruzam o seu caminho…

Por que ser doce e explosiva
Tem o seu ponto de equilíbrio
E esse ponto
É a sua melhor parte!

#gratidão

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s