Só…. estou

Padrão

solidão1

Acabou
Das palavras que me deu
Do que me fez ir além

Demorei para entender

Elas caíram ocas
Desceram no vazio
Não  chegaram ao fundo

Mas passaram perto
Eu vi
Eu estava lá

Me trouxe luz
Mas eu não estava lá

Não me dei por mim
Mas percebi
Que um buraco abriu
No meu peito
E por lá

Vazaram
Passaram
Dançaram

Hoje
Percebi

Deixei ai
Esqueci em algum lugar

Partida fiquei
Metade de mim
Ausência enfim

Fiquei
Sem vontade
Sem paciência

Perdi o lugar
Perdi o desejo
Perdi a aposta

Respire
Você só está

Cansada

Pense
Você só está
Lesada

Sinta
Você só está…

Anúncios

Viagem sem fim

Padrão

AVIÃO

Que maldade
Você nos meus sonhos
Igual ao que éramos
Igual ao que foi
Igual ao que meu coração
Sente e acredita …

Onde estávamos?

Falei com alguém
Te apresentei
Eu acreditava
Eu acreditei

E viramos três
Mas dessa vez
Fui eu

E lá
No longe
Eu vi
Quem eu fingi não ver
E vinha de malas
Vinha para mim
Finalmente me escolheu

Eu ignorei
Fingi não ver

Mas esse não era você
Era quem eu abraçava
No passado

E virou
Quem eu não enxerguei
Fingi
E descobri
Não querer

E nas escadas
Rolantes
Pegaríamos nosso avião
Viajaríamos
Ficaríamos finalmente….

Acordei…

Labirinto

Padrão

labirinto

Entrei no labirinto
Fui a lugares estranhos
Você estava lá

Conseguiu me envolver
Eu tentava escapar
Mas ao mesmo tempo
Sei lá

Você me beijou
E foi bom
Foi bom…

Mas eu disse
Não era nada
Não tinha como ser nada
Porque não

Vou embora
Desço as escadas
Fujo
De você
De mim
Do que foi
Do que senti
Do que um dia
Senti

Digo

Peguei o carro
Na ordem de letras
Na ordem de cores
Na ordem….
Escapei

Fui embora
Sem rumo
E tinha noção
Do perigo

Eu estava perdida

Mas perdida
De mim
Não de lugar

Perdida
da vida

Perdida
Da Silva

Quando achei
Que tinha achado o caminho

Acordei.

Meia entrada

Padrão

meia-entrada-1-jpg

Sem paciência
Para ouvir
Uma mensagem
Uma palavra
Uma metade…

De favores
Estou farta

Dessa vida
Que acham
Que metade basta

Para mim
Acabou

Por favor
Peço com carinho
Peço com sinceridades

Não venha
Pedir um minuto
Sem compromisso
Um desconto
Um acordo

Não mais

As vantagens
Eu ofereço
No final das contas

Por que vale muito

Mas se para você
Não vale…
Sua escolha está feita

Não perca seu tempo
Fazendo eu
Perder
O meu.

Modo automático ativado

Padrão

automatico

Tu tá falando
Mas é tão desinteressante

Que fico pensando
Nas contas
Na próxima cor do esmalte
No meu time de futebol

Penso na cor da parede
No preço da gasolina
No atual governo

Penso
No final de semana qUe foi
No final de semana que vem

Penso no homem na lua
Na prestação do apartamento
No dia do pagamento

Lembro de rezar
De agradecer a vida

Lembro de colocar a roupa para lavar

De repente
Lembro
Que você estÁ tagarelando
Querendo que eu faça mágica
Que eu faça macumba
Que eu faça um milagre
Mas você esqueceu

De perguntar
Se amigos
Podem fazer isso

Se amigos
Estão dispostos a pagar o preço

Você esqueceu o mais importante

Esqueceu de perguntar: como vai você?

Mas…

Quem se importa, não e verdade?

 

Dos encaixes e metades

Padrão

CAFÉ PELA METADE

Era você
Do começo
Ao fim

Era você
Quando eu não
Quando eu

E mesmo assim
Você
Esperou
Quieto

Respeitou minha loucura
Meu desencaixe
Minhas fugas
Todas minhas tentativas
A minha morte
E finalmente
Minha vida

Quando olho
Quando digo
Quando só tento
Mesmo sem saber

É você
Do começo
Ao nosso encontro
Ao nosso encaixe
Ao que é
Por que você soube
E aceitou
A metade do que é
Metade do que há
Metade
Das metades
Partidas
Quebradas
Borradas
Rasgadas
Largadas

Era você
Para mim

Hoje
Inteiro
De mim
Há de ser
Você

Fé de volta

Padrão

UMBANDA.jpg

Quanto tempo se passou

Perdi a conta
A noção
Deixei lá atrás

Parti na carroça

Segui o caminho

Deixei as lembranças
O relógio
A saudade
A roupa branca
De lado…

Guardei
Mas esqueci

E novamente
Ouço
O chamado
A voz
De quem me cuidou

De quem me levou
De quem me deu guarita
Mesmo eu dando as costas

E sei
Que vocês voltam
Me deixam voltar
Me deixam entrar
Me deixam
Vestir

E eu me ajoelho
Reverencio
Olho para cima
Agradeço

Foi pouco tempo
Em meu coração
A eternidade

Mas amor esse
Que o reencontro
Faz esquecer tempo
Saudade
Maldade
Sacrifício
Desespero

Eu quase fui
Dessa vez eu quase

Mas me estenderam as mãos
Me deram colo
Beijaram minha testa
E eu adormeci

Duas vezes….

Agora
É hora de despertar

Abrir a porta
Abrir a janela
Deixar o novo vento
O novo ar
O novo sol

Entrar

Na vida que é nova…