Surpreendida de verdade

Padrão

nudes

Hoje você me chamou
Mandou uma pergunta logo de cara
E eu comecei a rir
Rir de nervoso
Daquelas perguntas
Que primeiro a gente se apresenta
Faz um elogio
Inventa uma desculpa

Mas você foi você
E foi de supetão
Certeiro
E devastador

Essa semana está tão
Tão estranha
Daquelas que de normalidade
Não dá nem para entender
Porque não há

E você com sua pergunta
Piorando
Fez uma proposta
Mandou algo que não precisava
Mas eu deixei
Queria ver até onde iria

Mas eu me enganei
Não tinha limite
Não tinha razão
Senso algum

Ainda estou tentando entender
Que a sua loucura
Te levou ao limite
E que a confiança
Te levou ao limite

Mas isso
Isso você quebrou
Isso você nunca teve
Isso você quebrou ha tempos

Tem gente que nasce sem isso
E com certeza
Você é uma dessa pessoas

Para deixar um pouco pior
A culpa foi toda minha
Eu deixei…

Anúncios

Da confiança que você me deu hoje

Padrão

menina.flor
Chegou sua mensagem
Já havia tanto tempo
Tanta história
Tanto sentido

Mas você trouxe palavras
Perguntas e possibilidades
Lançou seu coração
E me fez perceber
Como poucos você permitiu
Aquela menina

A menina pequena
Frágil e doce
Que às vezes fica no cantinho
Olhando as pessoas passarem
As coisas acontecerem

Percebi que ficou sem graça
Porque não é dada a pedir ajuda

Sempre faz tudo sozinha
Porque aprendeu que tem que ser assim
Ela é forte
Mas as vezes esquece que é menina

De tanto tomar conta de todo mundo
Esqueceu de cuidar de sí mesma
Sem querer…
Aceitou amor pela metade
De alguém que não dá
Apenas toma…

E essa conta não fecha nunca…

Ela dá…
Ele não dá…
Ela ama…
Ele não sabe…
Ela espera…
Ele enrola

A vida passando

Mas essa menina tem outros amores
E sabe como cuidar muito bem eles

Neste momento da vida
No dilema do que é posto
Escolhe o que tem de ser
Cuidar do amor maior
Do presente especial
Que foi o maior que a vida lhe deu
E só podia ser dela

Pois esse tipo de amor
Ela sabe
Ela tem
Ela transborda

E como na vida não há enganos
Nem atalhos que levam a lugares incertos

A estrada dela
Os caminhos escolhidos
São os certos
São os únicos
E são seus!

Você está no caminho certo
Você está fazendo certo

E confie
Os seus dias
São os dias de hoje
Muito bem vividos
Pois inteira você sempre foi

Da vida que pede intensidade
Da vida que te pede
Do que você sabe que é
O seu lugar neste mundo

O do amor
Que só você compreende
Amor que se basta e fim.

Você tem razão

Padrão

coracao-bandaind

Você falou
Me fez pensar
Refletir
E bagunçou
Tudo o que eu tinha arrumado
Organizado direitinho
Para não doer
E continuar fazendo sentido

Foi lá
Meteu o dedo na ferida
Pediu para eu ser forte
Me colocar no lugar certo

Buscar o que haverá
Não ou que houve
O que eu acho que há

Porque não há nada
Não há nada
Que nunca houve

Do seu cuidado em me dizer
Que a rua é sem saída
O caminho é perigoso
A história é vazia

Eu te peço mais tempo
Mas não é para você
E não se trata de tempo
Se trata de valor

Do valor que você quer que eu reconheça
Do valor que você quer que eu me aproprie
Da vida que você vê além de mim
E para mim

Como uma mãe cuidadosa
Que quer o melhor para o seu filho
Você me ofereceu esse conforto
Essa olhar e essa certeza

Do lugar que eu jamais pensei
Ou ousei estar
Você me diz
Com a certeza da vida

Vá!

E hoje
Eu aceito
E me permito
Ir

Dos primeiros passos
Como aprendendo a caminhar
Eu me vejo
Nesta estrada
E me dou conta

Você tem razão.

Por um minuto de esperança

Padrão

crianca e borboleta

Te peguei em minhas mãos e te admirei
Como se fosse uma peça das mais delicadas
Puro artesanato de modelo único
Com o brilho que resplandecia e inebriava
E em alguns momentos mostrava a sua face oculta

De pura brutalidade esperando
A pessoa ideal que seria capaz
De moldar e trazer verdade, sossego e amor

E por um minuto
Consegui acessar seus pensamentos
E você me deu de presente as minhas memórias
Mais remotas de um dia em que você pertenceu a mim

E fez minha existência plena e cheia de sentidos
Significados, gostos e gozos
E me fez acreditar no dia seguinte
Nas promessas e verdades

De que a vida valia realmente a pena ser experienciada
E de que tudo isso realmente vale a pena ser

E você me intuiu de uma maneira
Com um toque único das palavras que bailam através dos pensamentos
E me disse para ter paciência
Para ter confiança e fé

E acreditar que tudo isso há de valer a pena
Que todos os dias e noites vazias
O silêncio do coração partido
A escuridão do medo e da solidão
Um dia serão iluminados pela surpresa

De um amor doce e sincero
De uma vida plena e perfumada
De dias quentes e acolhedores
De noites frias e encantadoras

E em um momento de suspiro
Que encheu meu ser de esperanças e querer

Você sorriu e me beijou o rosto

E se foi
Deixando em mim a certeza

Eu vou te esperar
Eu vou fazer tudo valer a pena.

Fé mais ou menos

Padrão

anjo

Quem tem fé tem.

Quem não tem, não tem como encontrar em outros lugares, comprar ou alugar.

Ou é ou não é.

Fé não é uma coisa que dá para ter mais ou menos.

É tipo gravidez, não dá para estar meio grávida, ou você está ou não está.

E o mais complicado é quando as práticas religiosas são colocadas em questão.

“Sabe o que é? – Eu não me identifiquei com aquele lugar, porque eu fui pedir ajuda e sei lá… não senti firmeza…”

Ou

“…Sei lá, queria uma coisa com mais certeza, sabe como é?”

(Sei… as garantias…)

E para me deixar mais nervosa

“Eu fui lá, não volto mais… disseram que eu preciso parar com meus vícios… Onde já se viu…”

Fé é uma coisa de dentro  para fora.

Conforme a gente acredita, as coisas vão se encaixando, as pessoa e as oportunidades certas aparecem..

Aquela pessoa com uma dica legal acontece e a gente tá mais receptivo para perceber e receber isso também.

Tudo é uma questão de prática e paciência.

Por que o tempo do Universo as vezes é diferente do nosso…

Fé e paciência….  e o resto, deixa acontecer naturalmente…

Caminho para o fim – Parte II (FIM)

Padrão

escada que desce

E agora eu estou aqui, deitada no escuro do meu quarto
Pensando em tudo o que se passou
Em tudo o que também não se passou
E como a vida paralisou diante de meus olhos

E como eu me perdi ao pedir sua ajuda
Como me perdi ao aceitar a sua ajuda
E deixar você direcionar os meus caminhos, desejos e intenções
Como te dei tudo isso?

E me pego pensando, acessando as lembranças do que um dia foi a felicidade
E de que um dia eu consegui ser feliz
Plenamente feliz e caminhando para algo além
Mas tropecei e este tropeço teve uma moeda de alto valor de troca

E agora, tomo coragem para retomar minha vida
Re acessar meus desejos, minhas paixões
Ter de volta a parte que me cabe para seguir adiante com minhas escolhas
E me submeter as consequências das escolhas que um dia tomei ao seu lado

Seguir adiante
Começar novamente
Abrir a janela e apreciar o amanhecer do dia
E todas as possibilidades trazidas com o Sol.

Me perdi no tema

Padrão

plantando_amor-12

O dia despertou diferente por aqui
Um dia frio, daqueles típicos de outono
Em que a chuva e o cinza fazem com que não queiramos sair da cama

Mas a vida pede que eu me levante
Para seguir adiante com toda a construção
Tudo o que me espera

Na verdade tudo o que eu tenho que fazer
Porque não tenho nem ideia se essas coisas sabem que eu existo

Mas por fim
Sigo adiante
Com a jornada da vida
Que baila diante de meus olhos e me dá novas perspectivas

Como aquela semente que eu plantei há algum tempo atrás
Resolveu despontar sua primeira e tímida folha
Na terra que há de ser fértil
E dar novos frutos

Com a certeza da espera
Com a garantia da perseverança
E com a fé
Que temos em algo invisível
Mas que nos sustenta
Na caminhada e no seguir em frente

E no final das contas
Esse texto era para ser sobre amor
Mas acabou virando uma reverência
A semente

De onde tudo veio um dia.