Celestial soda pop 

Padrão

ray lynch

Sem querer
Achei uma música
Jogada por ai

Coloquei ela
Fui ouvir

Abri a porta do baú
E com ela
Veio tudo
O que estava
Jogado
Como aquelas gavetas
Que um dia
Um dia vamos ter
Tempo de arrumar

Vi você
Quando descobri
Que éramos três
E eu acreditava
Em conto de fadas
Papai noel
Amor
E felizes para sempre

Passou por mim
A primeira
A segunda
A terceira
A quarta vez
Que eu falhei
Ao tentar partir
Dessa vida…

E continuei

Lembrei das vezes
Das pessoas
Dos beijos
Dos encontros

Da formatura
Do primeiro carro
Do primeito emprego
Primeiro paciente
Da primeira gira
Da primeira aula

Lembrei de você de novo
Dessa vez
Não quis te matar
Ou morrer…

Mas me espantei
Quando me dei conta
Da direção
Do lugar
E de um outro alguém

Meu desconcerto
Foi dizer que eu te amo
O que estava
Sempre esteve
E ainda está
Preso aqui na garganta

Antes da música acabar
Antes que vire passado
Antes que eu me arrependa
De virar passado

Você me diz sim?

Anúncios

Apelo dramático sobre a vida moderna

Padrão

pote de ouro

Passei os últimos dez anos da minha vida fazendo a mesma coisa…

Todo santo dia a mesma coisa.

E um dia…

Tudo parou.

Ai os papéis se inverteram e hoje eu to alheia… largada por ai…

Será o destino se vingando do passado?

Me fale sobre você…
Qual foi seu ultimo salário…
Qual é a sua formação…
E um ponto a desenvolver…
Um ponto considerado forte…

Tá… Ok…
O resto vocês sabem…

Mas e ai…

No final das contas, isso não me protege ou me respalda de nada.
To ai, na pista, como muitas pessoas….
Procurando um emprego para chamar de meu.

Alguém ai… Me dá uma chance?
Eu sou legal… Eu juro!