Sem você

Padrão

SEM VC

Tem como ser diferente?
Desse lugar que é seu
Esse lugar que sempre é seu

O seu lugar
Essa vida é sua
Eu não tenho como
Não sei essa vida
Dessa vida
Sem você

Como era antes
Como foi antes?

Agora
A vida está aqui
Eu te espero

Como você faz isso?
Resolveu aparecer
Resolveu chegar
Entrar como sempre foi

Chegou
E agora fica aqui
Seu perfume
Seu abraço
Seu olhar

Só sinto muito
Porque eu nunca soube
Nunca aprendi

A ler suas voz
Compreender seu perfume
Ouvir suas palavras
Entender sua fuga

Repasso a cena
Vejo fotografias

Quando me dou conta
O dia passou
O mês terminou
Já é ano novo
De novo

E você
Velho
Eterno
Aqui
No vazio do meu coração

Agora
A vida é
Isso

E de resto
Eu finjo
E me escondo….

Deixa
Já é hora
De dormir

Acordar
Pra quê?

Anúncios

No seu lugar

Padrão

areia

Me dê sua mão
Me leve até seu mestre
Me mostre seus segredos
Me ofereça
O que só você
Em toda a minha vida
Em toda a existência
Me ofereceu

Me deu
Me devolveu
O lugar
O sentido
A direção
A emoção
Meu coração

Me devolveu
O que era óbvio
Mas eu não enxergava

Porque olhar para fora
Olhar para longe
Olhar para cima

Me fez esquecer
De olhar para dentro
Olhar para baixo
Olhar para mim

Você me deu isso
Você me deu o algo a mais
Você me devolveu o olhar
De mim…

Então
Agora
Pés no chão
Pés na terra
Pés na areia
Pés no mar…

E a vida
Me leva
Para o lugar
Que tem de ser
E sempre teve…

Tinha de ser assim

Padrão

chave 2

Como você está?

Quanto tempo que não te vejo…

Por onde você andou?
Esteve esse tempo todo?

Te reconheci
Em uma fotografia

Aquele sorriso

Lembrei daquele dia
Lembrei daquele tempo
Lembrei que lá…

Lá ainda havia algo
Algo de você
Algo em você
Algo para você…

A vida tinha lugar
Sentido…
Direção…
Vontade…

E de repente
A vida virou
A rota mudou
Tudo ficou escuro
Lugar não havia mais

Você partiu
Talvez
Tenha ficado presa
Em alguma caixa
Junto com a mudança
Ficou em algum canto
Esperando o tempo certo

Fingindo que o tempo era pouco
E que o tempo era logo ali

O tempo passou
O presente chegou

E de tanto ficar lá
Esqueceu o que era mesmo
Quem era mesmo

Na frase dessa semana
Acordou

Como se precisasse do sentido
E ele te fez….
Sentir…

Agora te reconheço
Na foto…

Procuro você
Por aqui….

Não encontro

Mas tudo bem…

Te convido
A vir comigo
Porque aqui
Tem lugar para você.

Pontos de Luz

Padrão

PONTOS DE LUZ

Estava lembrando
Quando você tocou minhas mãos
Fechou os olhos
E me levou

Eu deixei você ir
Você sabia
E foi longe

Me disse
O que ninguém
Nunca ousou dizer
Porque na verdade
Ninguém nunca ousou saber
Nem havia maneiras para isso…

Simplesmente tinha de ser alguém
Assim como você

E honra foi o que me veio a cabeça
Das lágrimas que ficaram presas
Mas brilharam nos olhos

Você disse
Que nunca havia visto algo igual

Dos pés que não ficam no chão
Da cabeça que pesa
Dos olhos que doem
Dos ouvidos que vão além

De tudo isso
Que ficou sem compreensão

Mas você respeitou

E me deu de presente
A contrapartida
O que era
E tem de ser

Entendeu
A atração
A dificuldade
Em ficar aqui

Não julgou…

E mais uma vez
Me deu muito mais
Do que eu imaginava
Que poderia ser

Porque você
É
E sempre será
Minha mestre…

Com amor
E gratidão…

Palavras nas mãos

Padrão

letras.jpg

As palavras chegaram hoje
Eu tive elas em minhas mãos
Eu estive com elas diante de mim

Mas não
Elas não chegaram
Elas não tocaram
Elas não acessaram

Eu nem sabia
Que elas chegariam

Ou sabia….
Eu esperava ou não esperava…

Elas não tocaram lugar algum
Porque ao chegarem
A porta estava encostada
Mas lá dentro
Só tinha pó e mofo
Estava tudo lá
Sem ser mexido
Sem ser visto
Sem ser
Há muito tempo…

Elas chegaram
Eu li
Fiquei algum tempo processando
E nada…

Nunca imaginei
Ficar alheia
Não saber que elas poderiam
Apenas que por um instante
Não significar…

Então
Hoje
Eu deixo elas de lado

Vou viver a vida
E depois tentar entender
Como eu me deixei
Amargar e esvaziar…

Tão profundamente em mim.

Sério

Padrão

eclipse

Hoje o dia não amanheceu
O sol não veio dizer bom dia

A vida esqueceu de vir

Ontem ficou preso
Está aqui para sempre
Entre nós

O dia de hoje não chegou

Esqueceu de vir
Esqueceu que tinha que vir

Talvez tenha ficado por lá
Sabendo que hoje não faria sentido
Hoje não teria lugar
Não teria por quê…

Talvez tenha percebido
Que há tempos não é
Então um dia a mas ou um dia a menos
Tanto faz

A vida não é vivida mais mesmo
Então
Um dia a mais ou um dia a menos

Que diferença faz?

Sentido a palavra

Padrão

morte passagem
Hoje falaram uma palavra

Daquelas que ouvimos diariamente

Corriqueiramente

Quase cotidianamente

Mas
O que houve de ser diferente
Hoje
Ela foi dita
Para mim…

E na minha referência
No meu lugar
No meu sentido

Ela caiu
Como a verdade
Que eu esperei
Pela vida inteira

Da verdade
Do que eu queria ter
Eu mesma queira ter escolhido

Mas a sabedoria
É muito maior
E compreendi
Que essas regras
Deste jogo
Eu sou apenas mais uma

E eu não tenho
O controle de nada

Nem do que eu achava que era meu

Porque descobri
Que na hora de ir
Não tem perguntas
Não tem motivo

A hora chega

E você simplesmente
Vai…