Agora somos seis

Padrão

diamante rei
Um dia
Houve de ser um
Um desejo que era a vida
Que significava o mundo
A luz e o próprio significado

Depois veio a expansão
A vontade de ser grande
De querer mais
E fez sentido e presença

Uma frase de amor
Veio para falar do que é
O sentido todo da vida
De querer estar viva

E um dia falaram
O mundo acabaria
Eu escolhi esse dia
Para marcar o fim
E dedicar o meu amor

(O mundo não acabou…)
Meu amor perdura…

Agradeci a vida
Agradeci ao que é ser
Ao que é estar
Ao que significa
E ao que não tem sentido

Hoje
Eu te juro amor eterno
E prometo
Que serei fiel
Cuidarei de você

De todas nós
E das próximas
Que sempre vem…

Coração batendo

Padrão

sentido
Respiro fundo
Olho ao redor
Solto o ar…

Meu coração dispara
E sinto o vazio
Como se o peito
Fosse oco

Talvez o peito
Seja oco mesmo…

Suspiro
E o ar frio
Aquece meus pulmões
Faz meu coração
Acelerar

Mas continua lá
Batendo
Vazio

Sentido para quê?
Sentindo o quê?

Olho ao redor
Novamente tudo fica assim
Deslocado

Porque o coração bate
O ar esquenta
O mundo fica aqui
Parado diante dos meus olhos

Mas que mundo é esse mesmo?

Dobrando a dose

Padrão

drogas1

Esses dias todos
Eu fiquei assim
Desligada
Alheia
Desencaixada

Achei que estava tudo bem
Que as coisas iam melhorar
Mas agora eu só quero saber
De ficar dormindo

Da minha cama
Do meu travesseiro
Dos lugares que eu posso visitar
Enquanto fecho os olhos

E mergulho
Vou profundamente
E viajo
Me perco
Não tenho hora para voltar
E nem hora para chegar


Naquele lugar
A vida ainda tem algo a oferecer
E mostrar que tem um sentido

Mas mesmo assim
Neste entorpecimento
Não era para estar assim

Então
Semana que vem
Eu volto
E ajustamos a dose

Tudo bem…
Mais um pouco
Para que a vida possa voltar a ser
O que nunca poderá ser mesmo.

Uma frase errada

Padrão

corao1

Palavras
Um dia seus olhos
Eles foram o que mais havia
Porque as palavras
Não haviam
Eu nem sabia falar

Mas os seus olhos
Eles preenchiam o que não era dito

E eu gaguejava
Ficava vermelha
Tremia dos pés a cabeça
Fingia que estava bem
Mas não conseguia me concentrar

Agora
Você me chama
Me conta sua vida
Me conta seus caminhos
O que houve de ser

Diz que se arrepende

Por um instante fico triste
Porque eu me arrependi
Muito tempo atrás

Mas o tempo
Deixou meu coração vazio
Duro e sem sentimentos

Quando você me conta sua história
Fico pensando o que poderia ter sido
Como poderíamos ter sido

Mas seria apenas a repetição
Do que você viveu
Porque eu não sabia amar
Não sabia amar

Aprendi a amar do jeito pior
Ralando o joelho
Sangrando o coração
Matando o amor com as próprias mãos

Não foi diferente do que você viveu

Talvez
Hoje pudesse ser diferente…
Não sei…

Mas não aceito ser três
Não aceito fazer parte de histórias
Que estão desencaixadas ou vazias
Eu não sou quem fará isso
Não me cabe

Mas também não cabe nada
Porque você acha que a vida errou com você
Que o mundo te deve algo
Que o passado é fardo pesado
Amargo de ser lembrado

Então não me compete
E eu nem quero
Porque de salvar
Eu já cansei

Não sou trampolim
Não sou remédio
Não sou ombro amigo
Não sou nada…

Não haverá ser de eu
Porque há tanto amargor
Que eu não quero

Não vou
Não aceito…

Eu fico com a minha história
Você fica com a sua.

Até um dia!

Abriram as portas do inferno

Padrão

coraçao negro

Acordei
Você me mandou mensagem
Logo você
Que nem eu sabia que você sabia
Que eu era eu
Achei apenas que tinha sido
Por educação
Deixar eu fazer parte do que há

Conversamos
E a conversa foi longe
Você me ligou
Meu radar estava certo
Algo estranho estava acontecendo…

Dois dias depois
Como assim?
Recebi outra mensagem
De outra pessoa
Daquelas que são tão absurdas
Que temos medo de estarmos sendo filmados

Deve ser uma piada sádica do Universo
Daquelas que ele manda para testar
Para ver o quanto estamos conscientes
O quanto estamos centrados
O quanto a vida fez a gente aprender

E eu ri alto
Fiquei olhando para o céu
Entendendo que nesta vida
Eu deixei
Eu pedi
De tanto zoar e rir das coisas
Foi a hora da vida rir de mim

Nessa semana
Ela zoou tão profundamente
Que eu fiquei pensando
Quase eu me deixei cair
Quase eu cai na piada

Mas quanta perversidade

Mas não há de ser nada
De perversidade
Eu fui mestre um dia

Não ter uma recaída
Mostra algo incrível….

Meu coração finalmente
Descansa em paz
E não esta mais entre nós.

Entendeu universo?

Faça seu pedido

Padrão

luz.jpgOlhar para o céu
E me dar conta do infinito
Da beleza que o céu
O azul e seu infinito

O sol também está lá
Fazendo toda a diferença
Na vida que se oferece hoje
Diferente da vida que foi ontem
E sem possibilidade de comparações
Com o que será ofertado amanhã

E hoje eu só agradeço
Que a vida é plena
As perspectivas infinitas
E o desejo de viver
Pleno e intenso
Pelo que pode ser
E já é no dia de hoje

Daqueles dias
Que apenas o sol
É capaz de oferecer tudo
Significar tudo
Da vida que é

Do que é e sempre será
Meu!

Drogas novamente

Padrão

drogas

A vida ficou tão estranha esses dias
Não sei dizer ao certo quando foi
Antes ou depois
Das drogas

Mas elas só vieram
Porque eu não dei conta

E a explosão foi grande
A tremor foi profundo
E trouxe a tona o que havia
De ser esquecido
Porque eu queria esquecer

Mas um dia
Quando não colocamos o lixo para fora
Ele irá nos lembrar que ainda está lá
E não sairá de lá
Até que nos movimentemos
E façamos a nossa parte

E eu deixe esse lixo
Todo crescer e ganhar forma
Força e voz
E ele gritou alto
Me fazendo tremer na base
Me tirando da direção
Que eu achei que era certa

De repente
Deixei ele lá
Porque eu queria
Que ele me lembrasse
E me tirasse
Do lugar que eu fingi escolher
Mas na verdade
Fui

Fui
Sem opção
Sem vontade
Sem querer
Sem tentar

Sem outra rota de futa

E fiquei
Parada
Paralisada
Mumificada
Esquecida de mim
De meus desejos
De meus interesses
E quase virei o lixo

Revirei o lixo de mim
Do meu lixo
E virei um só

Agora
Agora as drogas me dão
O que eu tinha que ter feito
O que eu havia de ter me dado
O que eu nunca havia de ter me deixado

Um sentido…